PERGUNTAS FREQUENTES

Às vezes as pessoas ficam com muita vergonha, estão ocupadas demais ou apenas não sabem as perguntas certas. Mas as perguntas nesta página abordam inúmeros aspectos do que você precisa saber.

CAMISINHA MASCULINA

As camisinhas são eficazes na proteção contra HIV e outras doenças sexualmente transmissíveis (DSTs)?

Sim. Está comprovado que os preservativos conferem proteção contra infecções sexualmente transmissíveis (DSTs). Na verdade, as camisinhas são o único método contraceptivo que também protege contra DSTs. As camisinhas oferecem níveis diferentes de redução de risco para as diversas DSTs, pois as infecções são transmitidas de forma diferente - com algumas o contágio ocorre via contato com fluidos corporais, enquanto com outras, via contato pele a pele.
Em geral, as pesquisas mostram que as camisinhas são mais eficazes na prevenção das DSTs transmitidas por fluidos corporais, tais como a clamídia, a gonorréia e o HIV. As camisinhas também podem reduzir o risco de contrair doenças transmitidas pelo contato pele a pele, tais como herpes e papilomavírus humano (HPV). No entanto, os preservativos conseguem proteger contra essas doenças somente se as feridas estiverem em áreas por eles cobertas.

Como as camisinhas são testadas?

Há uma variedade de testes feitos tanto pelos órgãos regulatórios como pelos fabricantes, que incluem testes eletrônicos, de vazamento de água, de ruptura por ar e de resistência.

Como posso verificar se a camisinha é segura para usar?

Verifique se está dentro do prazo de validade, se tem uma marcação de aprovação de normas (FDA, ISO, CE ou a Norma Britânica Kite Mark) e se foi corretamente armazenada.

Quais as chances de falha da camisinha?

Em comparação aos métodos hormonais modernos, a camisinha é menos confiável e eficaz na proteção contra gravidez, mas é o único método que protege contra DSTs, inclusive HIV/AIDS.

Qual o nível de proteção da camisinha contra gravidez? Se a camisinha rasgar, quais são os riscos de gravidez?

Quando utilizados conforme indicado (ou seja, sem rasgar nem estourar), os preservativos podem ser muito eficazes na prevenção tanto da gravidez como de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). Se a camisinha rasgar e a mulher não estiver usando nenhuma outra forma de contracepção, como a pílula, então há risco de gravidez, de modo que você deve avaliar o uso de contraceptivo de emergência. Também há risco de contrair DSTs.

Existem tamanhos diferentes de camisinhas?

Os preservativos são feitos em comprimentos e larguras diferentes e os diversos fabricantes produzem tamanhos variados. Não existe um comprimento-padrão para camisinha, embora as feitas de borracha natural sempre estiquem, se necessário, para se adequar ao comprimento do pênis em ereção. A largura da camisinha também pode variar. Algumas têm uma largura ligeiramente menor para permitir um encaixe ''mais justinho", enquanto outras são um pouco maiores.

Usar duas camisinhas é melhor do que uma para evitar gravidez?

O uso de dois preservativos ao mesmo tempo, seja duas camisinhas masculinas, seja uma masculina e uma feminina, não é uma boa ideia, pois o atrito pode causar rasgos em ambos ou em um deles. Se você quiser tomar precauções extras contra gravidez e estiver preocupada com a possibilidade de a camisinha rasgar, é melhor usar outra forma de contracepção. Por exemplo, usar pílula anticoncepcional, adesivo, anel vaginal ou SIU além de camisinha garante a você dupla proteção, ou seja, contra gravidez e contra DSTs.

É possível usar camisinha debaixo d´água?

Se você for usar preservativo debaixo d´água, é importante que o coloque antes de entrar na água. Além disso, se a água contiver substâncias químicas, como cloro, ou aditivos, tais como sabão, óleo ou espuma para banho, isso pode afetar o látex.

Qual é a melhor forma de conseguir camisinha?

Isso depende do país onde você está, mas na sua maioria, é possível comprar preservativos em farmácias e supermercados. Você também pode conseguir camisinha em ambulatórios de planejamento familiar e com alguns médicos.

A utilização de camisinha masculina ou feminina diminui o prazer no sexo?

Algumas pessoas acham que os preservativos interferem na espontaneidade e nas sensações, mas pode ser divertido usá-los, quando você pegar o jeito de como têm de ser colocados.

As camisinhas femininas são mais difíceis de usar do que as masculinas?

Da mesma forma que com a maioria dos métodos de barreira, o uso correto dos preservativos pode exigir um pouco de prática. Desde que você saiba como usá-los, você logo pega o jeito.

Se eu usar camisinha feminina, é muito complicado colocar?

As camisinhas femininas funcionam da mesma forma que as masculinas, com a película retendo o esperma quando o homem ejacula. Portanto, elas não são complicadas de usar se manuseadas corretamente.

Acontece muito de as camisinhas rasgarem ou saírem?

Não, quando utilizadas conforme as instruções, os preservativos são eficazes para prevenção da gravidez e são o único meio contraceptivo também capaz de evitar as DSTs. É por essa razão que é importante seguir as instruções de uso correto.

É comum as pessoas usarem os preservativos de forma errada?

Sim. A maioria dos erros são mesmo cometidos pelos usuários. Alguns erros dos casais são: colocam a camisinha do avesso e depois a viram, tiram o preservativo antes da hora ou tarde demais, abrem a embalagem com objeto pontiagudo e usam lubrificante à base de óleo. É claro que o erro mais comum é não usar camisinha.

É difícil usar camisinha?

Não. É realmente muito fácil colocar os preservativos de forma correta com um pouquinho de conhecimento e prática.

As camisinhas são frágeis ou delicadas?

Não. A maioria dos preservativos é feita de látex, que é um material forte e flexível. Os preservativos são submetidos a testes rigorosos de controle de qualidade em cada etapa do processo de fabricação para garantir que estejam intactos, resistentes, estáveis e sem furos. Só preste atenção para guardar suas camisinhas em local fresco e seco (não na carteira).

Posso utilizar lubrificantes com camisinhas?

Sim. Muitos preservativos já vêm lubrificados no lado externo, interno ou de ambos, mas você sempre pode passar mais, desde que o lubrificante seja à base de água ou silicone. Os lubrificantes à base de óleo, como os óleos para bebê ou vaselina, podem reduzir a firmeza do látex, portanto, não os utilize. Sempre verifique as instruções de uso ao escolher um lubrificante para utilizar com camisinha.

Posso reutilizar camisinha?

Não, não é aconselhável a reutilização de nenhum preservativo - masculino ou feminino. Deve-se usar uma nova camisinha em cada ato sexual.

ENCONTRE
SUPORTE
LOCAL

QUAIS OS MÉTODOS
CONTRACEPTIVOS QUE PODEM
SE ADAPTAR MELHOR
AO MEU PERFIL?